Contador: o melhor amigo de toda empresa!


Muitos empresários não conseguem estabelecer uma relação de confiança com o seu contador, não informando a atual situação da sua empresa, e sonegando documentos importantes, alguns tem mais medo do contador do que do próprio fisco.


Tal pensamento se torna ultrapassado e ariscado, pois a escolha de um bom contador, trás diversos benefícios para as organizações, aliás este é um dos principais objetivos da contabilidade, trazer informações importantes e relevantes para auxiliar na tomada de decisão, assim como mensurar com precisão o patrimônio de uma empresa.

Engane-se aquele que pensa que o contador trás somente a parte ruim, ou seja, guias de impostos para pagar e obrigações acessórias a cumprir.

Não sonegue documentos

Quem apela para sonegação de documento, não está enganando somente o contador, mas principalmente a si próprio, pois desta forma torna-se impossível mensurar a situação econômica e financeira da empresa, além de ser crime de evasão fiscal. Crime?!

Sim, crime! Toda venda deve ser emitida emitida nota fiscal, e fazer o devido recolhimento dos impostos desta operação. O crime de evasão fiscal gera multas pesadíssimas e pode levar a cadeia.

Escuta-se muito, "sou pequeno a Receita não tem pessoal suficiente para fiscalizar, o esquema deles é pegar os grandões". Mas a verdade é que a Receita Federal vem investindo muito em aprimorar o controle de operações comerciais no Brasil e o cruzamento de dados a cada ano se torna mais preciso.

Vale lembrar que nesta hora não vale colocar a culpa no contador, pois a responsabilidade civil, tributária e penal do contador é solidária ao empresário. Na prática, isso quer dizer que, antes de tudo, é o empreendedor que responde por possíveis irregularidades. E não poderia ser diferente, já que é ele o primeiro responsável pelas informações produzidas pela contabilidade, ou seja, o contador trabalha com aquilo que lhe é repassado pelo gestor.​

Gestão Descontrolada

Para entender a real problemática, primeiro é preciso compreender que devemos ter o contador como aliado na gestão das empresas. Para isto faça a si mesmo as seguintes perguntas:

Qual o melhor enquadramento tributário?

Como pagar menos impostos de forma Legal?

Qual o Custo da Mercadoria Vendida / Custo Serviço Vendido?

Qual a margem de contribuição?

Minha empresa tem Lucro?

Qual o Lucro da minha empresa?

Quanto é a depreciação mensal dos equipamentos?

Como definir o preço de venda?

Como controlar Receitas e Despesas?

Como implantar um Fluxo de Caixa eficiente?

As perguntas são muitas, e acredite o seu contador pode e muito contribuir para a resposta de TODAS elas. Após ler este artigo pense diferente, o contador não é o vilão do meu negócio. O maior vilão é não trabalhar com informações precisas e reais, ter uma falsa impressão de lucro, ou ainda, não ter como saber se minha empresa está obtendo lucro em suas operações.

Tenha uma relação de confiança a contabilidade é ferramenta de apoio para a tomada de decisão, e principalmente para o desenvolvimento das organizações.

#evasãofiscal #contador #contabilidade #sonegação #lucrodaempresa #ocontadornãoéovilão #patrimônio #comoterlucro